Melhor amiga de Shakira revela porque ela gravou La Bicicleta em Barranquilla Melhor amiga de Shakira revela porque ela gravou La Bicicleta em Barranquilla Melhor amiga de Shakira revela porque ela gravou La Bicicleta em Barranquilla
Melhor amiga de Shakira revela porque ela gravou La Bicicleta em Barranquilla

Você reparou que uma mulher dirige um Jeep amarelo que aparece no início do clipe de “La Bicicleta“? A loira ao lado ao lado de Shakira é Kathy Kopp, amiga de infância e assessora de imagem da cantora. Ela conversou com um jornal colombiano e falou sobre sua participação no clipe e sua amizade de longa data com a colombiana mais famosa do mundo.

Menina, que linda está Barranquilla!“, foram estas as palavras que Shakira usou para expressar emocionada a sua amiga Kathy Kopp o que ela via pelas ruas de La Arenosa enquanto ambas davam uma volta pelo norte da cidade a bordo de um Jeep amarelo durante a gravação das cenas do clipe de “La Bicicleta“.

A relação entre Kathy Kopp e Shakira não é diferente da que muitos amigos de infância têm uns com os outros. Desde a época do colégio estas duas barranquilleras têm sido cúmplices, conselheiras e companheiras de trabalho, sem importar o lugar do mundo em que se encontrem.

Kathy é assessora de imagem de celebridades e trabalhou em clipes de vários artistas como Fonseca, Zion y Lennox e Shakira, sua amiga que também trabalhou em outras ocasiões como na Tour of the Mongoose em 2002-2003. Ela também trabalha produzindo looks de diversas personalidade públicas como atores e até mesmo a Miss Colômbia Ariadna Gutiérrez.

Shakira e Kathy Kopp durante as gravações do clipe de "La Bicicleta"

Shakira e Kathy Kopp durante as gravações do clipe de “La Bicicleta“.

“Em uma noite qualquer estava em minha casa e Shakira sabendo que eu estava em Barranquilla me falou por Whatsapp que viria logo para gravar o clipe com Carlos Vives”, relata Kathy sobre como ficou sabendo que veria sua amiga de infância na cidade em que cresceram juntas.

“Ela me contou que devido a proximidade da viagem não acreditava que teria todo o figurino pronto para o clipe, mas já tinha adiantado algumas coisas com um alfaiate em Barcelona que estava fazendo algumas roupas sob medida. Aproveitando que eu estava aqui e com uma ideia muito clara do que queria, ela me convidou para participar da produção ajudando a montar os looks e procurando algumas coisas por aqui, mas devido ao pouco tempo que tínhamos para gravar ela acabou não usando”.

A chegada de Shakira na quarta-feira 18 de Junho a capital do Atlântico não foi apenas intensa para os fãs e meios de comunicação que queriam ver a intérprete de “Te Espero Sentada”. Em sua chegada ao apartamento de seus país no norte da cidade, tudo foi ‘mão a obra’ de maneira imediata.

“Quando Shaki chegou ela não teve muito tempo para socializar. Ela veio mentalmente em ‘modo trabalho’ por isso fomos organizar os figurinos e finalizar os detalhes da produção”.

A expert em moda também conta que cada figurino usado no clipe foi pensado para as cenas em que Shakira os usa. Como o maiô com tutu que ela usou nas praias de Perto Valero.

Esse look ela pensou baseado em uma cena em que há uns troncos pintados de cores neon, e o que ela usa de noite tinha que ser fresco e permitir que ela ressaltasse seus movimentos de dança”.

Kathy Kopp confessou que no clipe “não há nada de muito luxuoso“. A visão que Shakira tinha do clipe é que fosse “muito orgânico” e “muito espontâneo“. A interação entre ela e Carlos Vives é real, a felicidade de Shakira ao comer raspadinha e os movimento de dança nas praias também não foram coreografados e não tiveram preparação anterior, e a única coisa que foi pedida aos atores era que soubessem dançar.

Ainda que a grande maioria das coisas foram feias ao acaso, a barranquillera acredita que eles acabaram fazendo o clipe de uma maneira diferente da que pensaram inicialmente, porque ninguém, nem mesmo o diretor, esperava ter um monte de gente por trás deles ainda mesmo antes dos artistas chegarem a cidade.

“Se você reparar bem no clipe aparecem os policiais, as pessoas correndo atrás deles nas ruas e outras coisas próprias do povo daqui, o que me pareceu lindo. Isso é o que conecta Shakira com a cidade, e ela adora isso”.

A única exigência excêntrica:

Muito asseguram que durante sua estadia na cidade Shakira esteve muito distante do público que nunca havia tido a oportunidade de vê-la assim de perto pelas ruas de Barranquilla. Ainda podiam imaginar que por ser considerada uma superstar, ela andaria em algum carro blindado que teria a sua disposição. Mas sem sombra de dúvida Kathy Kopp conta que estas especulações estão muito distantes da realidade.

“Shakira estava feliz em Barranquilla, tanto que não queria ir embora tão cedo”, informou a assessora de imagem.

“Ela estava em modo de trabalho e precisava se concentrar para fazer as coias bem porque tinham muito pouco tempo conseguir as tomadas para o clipe, talvez por isso pudesse parecer distante. Sem dúvida com os fãs que tiraram selfies e trocaram algumas palavras ela dedicou algum tempo. Ela perguntava seus nomes, dava abraços, agradecia pelo apoio”, conta Kathy que ainda disse que em nenhum destes dias ela usou carros blindados e preferiu andar com ela em seu próprio carro que não tinha nenhuma nenhuma medida de segurança em especial.

Kathy Kopp conta que sua amiga queria andar por Barranquilla e poder abaixar os vidros dos carros para sentir o vento e ver as ruas, e disse enfaticamente “essa é Shakira, não essa pessoa que o povo acredita que vem e sobe na cobertura para dar tchau a ninguém“.

shakira-colegio-la-ensenanza

Shakira chegando ao colégio “La Enseñanza” onde estudou com Kathy Kopp.

“É possível dizer que a única exigência excêntrica de Shakira foi que ela pudesse aparecer no colégio La Enseñanza além das ruas de Barranquilla”.

Kopp contou que a cantora pediu ao diretor Jaume de Laiguana que fizesse tudo que fosse possível para que seu colégio aparecesse no clipe. Ela também indicou que as cenas gravadas nos arredores do Parque Rosado não estavam planejadas até a noite anterior, porque ela queria que vissem as ruas de sua cidade, principalmente as que gravou perto do apartamento em que vivem seus pais William Mebarak e Nidia Ripoll.

Ela quis que o clipe fosse feito em Barranquilla. Foi ela quem pediu, porque queria mostrá-la a todo o mundo”, relatou Kathy.

Menina, eu adoro te ver, mas em Barranquilla

No caminho para as praias de Puerto Valero, Shakira e sua amiga tiveram que passar pelo corredor universitário. A cantora estava muito atenta analisando tudo o que encontrava no caminho, mas foi a amplitude dos campus o que mais chamou sua atenção. Kathy conta que sua amiga comentou sobre o quão grandes e espaçosos estavam os colégios da cidade e isso foi para ela uma lição de humanidade, porque ela demonstrou que apesar de morar fora “Shakira vê Barranquilla espetacular“.

Alguns anos atrás durante a passagem da Tour de la Mangosta em Atlanta nos Estados Unidos Kathy e Shakira tiveram uma conversa bem íntima em que ela perguntou a Shak se ela imagina que algum dia seria assim tão grande e a cantora respondeu com um enfático “sim”.

“Eu sempre tive certeza,eu me vi desta forma, e não só me vi como também vi os passos que teria que dar para chegar a ser assim”, lembrou Kopp.

Kathy Kopp também lembrou que desde crianças Shakira “sempre andava em seu próprio filme” e que “até as notas da escola eram diferentes das outras amigas”. Ela também disse que “só uma pessoa com a determinação que Shakira teve desde muito peque conseguiria alcançar seus objetivos, pois a indústria é muito exigente e para ela foi muito difícil”, disse com orgulho da amiga.

“Quando ela entrou no mercado americano os latinos nos Estados Unidos não tinham as mesmas oportunidades que tem agora, nem o inglês era sua língua materna, e ainda sim Shak conseguiu”.

Shakira e Kathy Kopp

Shakira e Kathy Kopp no aniversário de oito anos de Kathy.

Antes de “La Bicicleta“, a última vez que as amigas trabalharam juntas em um clipe foi em “Hips Don’t Lie” em 2005 e voltar a trabalhar juntas depois de onze anos foi “uma experiência muito bonita para ambas“, segundo Kathy.

“Nos ver e fazer isso em Barranquilla nos trouxe muitas recordações de quando vivíamos aqui e isso fez ser especial”.

“Voltar a brincar com a areia da praia de Puerto Valero, ou caminhar pela rua descalça, ou escutar ela pedir a um vendedor de frutas uma manga com bastante sal e pimenta do jeep amarelo, ou aproveitar uma raspadinha me fizeram lembrar das coisas que fazíamos em Barranquilla há muitos anos”.

Menina, eu adoro te ver, mas em Barranquilla”, disse Shakira a sua amiga emocionada com as gravações de “La Bicicleta” em sua cidade natal. Ainda que Kathy tivesse a visitado em Barcelona em Novembro do ano passado, vê-la na cidade em que nasceram e cresceram tinha um significado especial para a artista. A especialista em moda também explicou que a viu “com sua parte humana fortalecia, pois já é mãe, e ela me viu mais madura em meu trabalho, e o bonito é que nos expressamos uma da outra”.

Sobre como Shakira tem sua Barranquilla presente a amiga disse que “Ela a tem tão presente que tendo todos os lugares do mundo para gravar o clipe de seu retorno a música ela escolheu Barranquilla”, e sobre o que quer que o mundo saiba sobre a artista Kathy disse que sua amiga de toda vida “não é só uma cantora, ela é grande em todo o sentido da palavra. Ela é mais que uns quadris que não mentem”.

Fonte: El Heraldo
Tradução Exclusiva: Shakira Brasil

Scroll Up